Bem-vindos. Neste blogue, têm lugar textos da autoria de membros da comunidade educativa da Escola Secundária de Vilela e apontamentos diversos sobre livros e literatura.

14
Fev 11

 

Como o Egipto tem estado tão presente nas últimas entradas do nosso blogue, à maneira de uma homenagem à luta pela democracia do seu povo, aqui recorremos de novo à cultura do país da Biblioteca de Alexandria, agora para evocar o dia de S. Valentim, com versos retirados de Poemas de Amor do Antigo Egipto, uma edição da Assírio & Alvim, com tradução de Helder Moura Pereira:

 

O teu amor infiltra­-se no meu corpo

Tal como o vinho se infiltra na água quando

O vinho e a água se misturam.

publicado por escoladeescritores às 12:20

Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

2 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO